felicidade RSS

Coach, felicidade, Gabriel Carneiro Costa, Não me iluda! -

Tudo o que eu faço, ou não, gera as minhas experiências. E hoje percebo que as experiências são as minhas maiores fontes de confiança e autoestima. Uma mensagem motivacional pode, sim, gerar entusiasmo, um momento de confiança, ou até mesmo me encorajar a fazer algo que eu estava procrastinando. Mas ela sozinha não se sustenta por muito tempo, caso as minhas experiências reais tenham gerado, em mim, uma consciência inversa àquela mensagem.

Ler mais

comportamento, felicidade, Gabriel Carneiro Costa -

Não me iluda Gabriell Carneiro Costa livro comportamento Integrare
Hoje, tornou-se mais importante “parecer ser” do que “ser”. Todos querem aparentar que a vida perfeitamente idealizada é possível. Quando comparamos a nossa vida com a dos outros, estamos somente comparando o destino. Não há uma avaliação sobre o caminho e tudo o que foi feito para que pudesse chegar nesse lugar.

Ler mais

comportamento, felicidade, foco, Gabriel Carneiro Costa, tempo -

à sombra da cerejeira livro felicidade integrare

Muitas vezes, a felicidade é percebida em um estilo de vida mais simplificado. Não me refiro a questões financeiras e materiais, afinal, não estou tratando de uma vida simplória, mas, sim, simplificada. Nós complicamos demais as nossas relações, com dificuldades e desafios.

Ler mais

atitude, comportamento, felicidade, Gabriel Carneiro Costa, sucesso -

Não me iluda! Livro

O esforço não pode ser maior do que a alegria da conquista. O esforço não pode valer mais do que aquilo que nos tornamos. Não pode ser maior do que a alegria da conquista. Quando entendi essa lógica, passei a dar mais ênfase às coisas boas que me aconteciam do que ao esforço em si. Deslocar o esforço para uma posição meio, e não mais fim.

Ler mais

comportamento, felicidade, Gabriel Carneiro Costa -

NÃO ME ILUDA! é o quarto livro de Gabriel Carneiro Costa, escritor, palestrante internacional e um grande observador da natureza humana. Nesta obra provoca reflexões, buscando questionar as fórmulas mágicas de felicidade e sucesso. Desconstrói o marketing da vida e carreiras idealizadas, vendidas em equações de autoajuda que teriam o poder de entregar relações perfeitas, fama, fortuna e felicidade. Demostra que não existem atalhos na vida e que, tanto quanto as vitórias, as derrotas e frustrações têm seu papel e importância no caminho de cada indivíduo, e só através da ação é que se pode alcançar a realização pessoal. “Ser feliz é um objetivo de vida perigoso. Nos últimos...

Ler mais